O que você procura?

Sua 0KM ESTÁ AQUI!

06/01/2020

Compartilhe:

Honda CG 160 Titan S: uma guerreira estilosa

A CG 160 Titan é uma guerreira urbana, muito competente e, acredite, também muito confortável. A CG é a motocicleta mais vendida no Brasil faz tempo e suas diversas versões ajudam a dar mais opções ao motociclista de acordo com seu objetivo.

Já falamos sobre ela e seus dados técnicos quando foi mostrada pouco antes do Salão Duas Rodas. Agora aceleramos a versão S, que vem com grafismo diferenciado nas cores branca, preta e vermelha e mais uma vez a Titan da família CG surpreendeu.

Muitas virtudes

A Titan está mais encorpada, com os apliques na lateral do tanque parece uma moto maior, mas basta montar nela para perceber que continua esguia e oferece excelente encaixe para o piloto. Pernas levemente recuadas e guidão na medida para manter uma postura ereta e confortável. O banco permite rodar muitos quilômetros sem incômodos, uma das coisas que mais me chamou a atenção foi seu nível de conforto.

É uma pena que muitos motociclistas optem por um scooter ou outros modelos tecnicamente inferiores por acharem que a CG é uma moto de trabalho. Sim, ela é usada para esse fim também, mas a qualidade e competência do conjunto merece uma reavaliação de conceitos, afinal a Titan S pode ser seu veículo para a mobilidade tranquilamente.

O motor com tecnologia Flex é capaz de render até 15,1 cv a 8.000 rpm e 1,54 kgf.m a 6.000 rpm de potência e torque máximos no etanol, suficiente para rodar tranquilamente e com boas respostas do acelerador pelo tráfego urbano, mas também permite que os mais inquietos façam suas viagens.

Mais uma boa surpresa foi o bom funcionamento de suas suspensões, mesmo e nosso terrível asfalto elas absorvem com precisão os impactos transferindo pouca energia das pancadas para o corpo do piloto, ajudando no conforto também.

Ágil e rápida para mudar de direção é muito fácil de se desvencilhar do tráfego apertado, permitindo ótimas manobras em espaços curtos, as manobras só não são mais fáceis por conta do sistema de freio combinado CBS, que atrapalha um pouco quando você quer utilizar apenas o freio traseiro para realizar manobras em baixa velocidade. Porém o CBS funciona muito bem em velocidades mais altas, equilibrando a força das frenagens entre as rodas aumentando a segurança.

Fonte: https://www.motociclismoonline.com.br

 

Compartilhe:

xxx